Arquivo da categoria: Capítulo III

CAPÍTULO 3 — NOS DOMÍNIMOS DA PSIQUE

“Muitas faltas que cometemos nos passam despercebidas. Se, efetivamente, seguindo o conselho de Santo Agostinho, interrogássemos mais amiúde a nossa consciência, veríamos quantas vezes falimos sem que o suspeitemos, unicamente por não perscrutarmos a natureza e o móvel dos nossos … Continuar lendo

Publicado em Capítulo III